Feliz de quem tiver uma PEDRA em SAGRES
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

História do Mês de Fevereiro | as remotas origens greco-romanas do topónimo “Sagres”

A 'História do Mês' consiste numa iniciativa expositiva do Centro de Interpretação de Vila do Bispo iniciada em janeiro de 2015 onde, mensalmente, se apresenta um objeto e um associado discurso informativo. Além da divulgação, partilha e valorização de determinados apontamentos e curiosidades da memória coletiva do território, pretende-se, com esta iniciativa, provocar hábitos de visita ao nosso equipamento cultural.

Em fevereiro de 2016 recuperamos as mais remotas referências escritas (bibliografia e cartografia) relativas à região de Sagres, produzidas entre o século IV a.C. e o século IV d.C. por autores greco-romanos, nomeadamente Éforo de Cime, Artemidoro de Éfeso, Estrabão e Rufio Avieno. Sabia que o topónimo "Sagres" resulta de uma denominação grega do século IV a.C. - Hieron akrotérion -, traduzida para o latim no século I a.C. como Promontorium Sacrum e que em português significa "Promontório Sagrado", ou seja, SAGRES!